O Poder das emoções

Quem tem dor crônica está mais sujeito à depressão. É o que diz a neurologista Natasha Consul

Seja qual for o problema de saúde, troche o componente emocional é um fator importante, que deve sempre ser levado em consideração. E no caso de pacientes que sofrem de dor crônica não poderia ser diferente. Geralmente, no rx esses pacientes já tinham depressão ou acabam desenvolvendo o quadro depressivo quando começam a sofrer com o problema. E isso acaba tendo muita influência sobre seu estado geral. “Quanto mais deprimido, cialis sale mais o paciente vai valorizar sua queixa de dor”, diz a neurologista Natasha Consul. Segundo a médica, isso acaba se transformando em um padrão de comportamento, como se a dor fizesse parte da personalidade da pessoa.

Natasha Consul
Medicina – UNIFESP
Especialização em Distúrbios do Movimento – UNIFESP
Especialização em Bloqueio com Toxina Botulínica – UNIFESP
Especialização em Bloqueio com Toxina Botulínica – UNIFESP
Membro Titular da Academia Brasileira de Neurologia
www.cukiert.com.br   

Entrevista exclusiva para o Portal Tecnologia para o Alivio da Dor  

 

 

 

 

 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Slider by webdesign